Abertura da III Semana Integrada de Ciência e Tecnologia tem mais de 5 mil inscritos
  • Sexta-feira, 27 de Outubro de 2017 as 14h 56m
  • Sexta-feira, 27 de Outubro de 2017 as 14h 57m
  • Imprimir
  • Por Daniel dos Santos

Abertura da III Semana Integrada de Ciência e Tecnologia tem mais de 5 mil inscritos

Reitor da UFT e diretor do câmpus de Gurupi participam da abertura do evento (Foto: Daniel dos Santos)

A III Semana Integrada de Ciência e Tecnologia de Gurupi (Sicteg) iniciou nesta quarta-feira (25). O evento é realizado em parceria pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), Instituto Federal do Tocantins (IFTO), Centro Universitário UnirG e Sebrae, com o objetivo de projetar Gurupi como um parque tecnológico no Estado, através do projeto Inova Gurupi. O evento segue até a sexta-feira (27) no Câmpus I da Unirg.

Com mais de 5 mil inscritos, a programação do evento conta com 54 palestras e mesas redondas, além de 94 oficinas. Na integração entre as instituições, a UFT também trouxe para dentro do evento os VI Seminário de Extensão e Cultura e o 13º Seminário de Iniciação Científica, nos quais os estudantes apresentam seus trabalhos desenvolvidos no último ano.

Nos estandes, a UFT está presente com experimentos que apresentam os cursos de graduação e pós-graduação ofertados no Câmpus de Gurupi, além das empresas de inovação tecnológica que participam da incubadora.

Na abertura do Sicteg, o reitor da UFT, Luís Eduardo Bovolato, comenta que é de extrema importância a UFT estar inserida num evento que reúne diversas instituições e com a participação de tanta gente. “É a oportunidade para mostrar o que a universidade está produzindo. Além de interagir com entidades de classe, comunidade e o sistema S. A universidade não pode ficar de fora desse ecossistema de ciências, tecnologia e inovação”.

O diretor do Câmpus, Gil Rodrigues dos Santos, destaca a importância de se estabelecer parcerias para que a sociedade conheça o que as instituições de ensino superior têm a oferecer. “É o momento em que está presente a comunidade, não só de Gurupi, como também de outras cidades. Precisamos mostrar os nossos cursos, os nossos trabalhos junto aos alunos e professores, de modo que a gente possa repassar para a sociedade as pesquisas que realizamos”.

O diretor superintendente do Sebrae, Omar Hennemann, afirma que a entidade tem sido precursora nessa aproximação entre universidade e empresa. “A missão é promover o empreendedorismo sustentável. Dessa forma, unindo as pesquisas realizadas na academia às necessidades de empresas”.

UFT - Campus Universitário de Gurupi - TO
© 2017 - Núcleo de Tecnologia da Informação, todos os direitos reservados.