UFT realiza processo de reflorestamento em parceria com o Ruraltins
  • Sexta-feira, 30 de Novembro de 2018 as 08h 55m
  • Segunda-feira, 03 de Dezembro de 2018 as 10h 34m
  • Imprimir
  • Por Bruna Santos | Supervisão: Samuel Lima | Publicado: Quinta, 29 de Novembro de 2018, 15h39

UFT realiza processo de reflorestamento em parceria com o Ruraltins

Uma ação de reflorestamento numa área do Câmpus de Gurupi teve início na manhã desta quinta-feira (29). A atividade é realizada por meio do programa "Restaura TO" do Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins) em parceria com a Universidade.

Módulos demonstrativos de restauração estão sendo instalados, com o objetivo de restaurar a reserva legal do local. O Programa promoveu o envolvimento de cerca de 15 estudantes na coleta de sementes, viabilizando a coleta significativa de espécies nativas do cerrado e posteriormente somada ao banco de sementes coletadas pela equipe do Ruraltins, culminando na instalação dos módulos.

O estudante de Engenharia Florestal, Josevan Barbosa, falou que o programa agrega conhecimento acadêmico e profissional. "A ação propiciou muita experiência no sentido de como executar um projeto de recuperação de áreas, pois ainda não tinha tido essa oportunidade durante a graduação. Vou levar essa experiência para a vida toda, pois faz parte do profissional que eu quero ser e da área que eu quero atuar", disse.

O engenheiro florestal e coordenador do Programa no Ruraltins, Ricardo Haidar explica sobre a ação. "A gente testa uma forma mais eficiente e barata para restaurar passivos ambientais no estado do Tocantins, principalmente para o pequeno produtor rural. O teste é feito através da semeadura direta de sementes de espécies arbóreas, associado com uma espécie de cultivo agrícola que vão fazer o papel de recobrimento do solo. O objetivo é diminuir o custo da produção de mudas e manutenção das áreas restauradas", diz o engenheiro.

Segundo o professor e coordenador do projeto, Gabriel Vargas Zanatta, a ação ocorreu por meio do apoio da UFT. "Com o apoio da direção do Câmpus de Gurupi e da equipe técnica, nós conseguimos preparar essa área para realizar o plantio. Até fevereiro teremos o resultado do monitoramento, sendo um projeto contínuo, a perspectiva é de realizar o monitoramento dessa área ao longo dos anos. Trata-se de um projeto de pesquisa e extensão em campo," explicou Zanatta.


O projeto
De acordo com o Ruraltins, o foco do projeto denominado "Restaura-TO" é na restauração ecológica-econômica em áreas degradadas e alteradas no Tocantins, por meio do uso racional da flora e da cobertura de vegetação nativa, desenvolvendo atividades desde 2017 em conjunto com diversas instituições.


UFT - Campus Universitário de Gurupi - TO
© 2018 - Núcleo de Tecnologia da Informação, todos os direitos reservados.